Canal Fotografia - Fórum de Fotografia
Forum Canal Fotografia Canal Fotografia
Tópicos | Procurar
Responder  |  Novo Tópico
AutorTopic : Ensaio sobre exposição
bigmac


Posts : 110
inserido em: 2008-05-13 22:38 | Editar Msg | Responder |
Estou na área de fotografia como amador autodidacta à muito pouco tempo e gostaria de preparar um ensaio\texto sobre a medição correcta na exposição, um dos temas que me faz alguma confusão. Tenho testado algumas teorias e qualquer delas controversa. Uma das que me tem prendido mais atenção (sinceramente sem grandes resultados práticos) é a de Jose Maria Mellado, um grande fotografo\tecnico espanhol que afirma o seguinte: "Devemos medir na zona VII (de Ansel Adams uma das zonas mais claras) e sobreexpor em +2EV para posteriormente fazer a revelação digital por zonas". Gostaria de saber a vossa opinião sobre este tema para o discutirmos em conjunto e preparar algo que possa servir-nos efectivamente de melhoria das nossas técnicas de fotografar.

PS: Obviamente não é necessário pedir para se evitarem comentários que saiam fora deste tema como tenho visto muitos por aqui.

godric nazka
2much3time

Posts : 1756
inserido em: 2008-05-13 23:36 | Editar Msg | Responder |
gostaria de ajudar, mas alguns desses termos mais parecem karkoviano...

a minha opinião, é não preocupar muito com isso!!!

RGallacci
fotomaster

Posts : 401
inserido em: 2008-05-13 23:44 | Editar Msg | Responder |
http://www.hugorodriguez.com/cursos/curso-zonesystem.htm

Aqui vc vera o que é medir por zonas.

efe
2much3time

Posts : 2158
inserido em: 2008-05-13 23:54 | Editar Msg | Responder |
Desde que passei para o digital deixei de me preocupar com preciosismos - talvez pela facilidade, grande amplitude, da edição/alteração. Sem ter lido, ainda, sobre o assunto vou fazer uma breve reflexão sobre o que expões (correndo, portanto, o risco de errar porque me baseio apenas no empirismo da experiência de 30 anos de Fotografia - experiência com erros, reconheço):
O Ansel Adams era um fotógrafo de paisagens (embora também tenha feito retratos). Para conseguir registar todas as nunaces tonais de uma paisagem terá optado por "elevar o nível" de calibração das suas monocromáticas, daí ter escolhido a zona VII. Para mim, que sempre dei total primazia ao retrato, e um pouco contrastado, sempre usei a Zona V como valor - a mesma usada na calibração dos fotómetros -, sendo certo que em muitos casos ainda "afino" para mais escuro na edição, quando não o faço logo no registo usando o compensador de exposição.
Não sendo apologista do "equilíbrio tonal" reconheço que devo ter usado esse tipo de opção, de forma inconsciente, quando andei pelas experiências tonais monocromáticas.
Portanto, uma vez mais, a opção de se usar um ou outro nível da escala de cinzas como parâmetro de afinação depende bastante do tipo de fotografia que se faz e do gosto pessoal.

Reply : António L
fotomaster


Posts : 647
inserido em: 2008-05-14 00:40 | Editar Msg | Responder |
Eu uso um fotometro Sekonik L-508 é só medir a luz e pimba.Depois é só colocar o que ele diz na maquina. essa cena do adams já ta um bocado em desuso,só s for pra paisagem, e mesmo aí,as tecnicas actuais são outras.

Reply : efe
2much3time


Posts : 2158
inserido em: 2008-05-14 00:51 | Editar Msg | Responder |
é um ensaio, pá. para compreender a cena. e agora que falas em fotómetro, onde andará o meu Gossen Luna VI?

Reply : RGallacci
fotomaster


Posts : 401
inserido em: 2008-05-14 02:16 | Editar Msg | Responder |
Ja nao uso meu Gossen a muitos anos tal qual vc efe deixei de usar do momento que comecei a usar a digital.
Mas como o Antonio Louro,tenho um amigo que só fotografa modelos /nus e usa e muito o fotometro no estudio.
Para nosso tipo de foto que fazemos nao se precisa usar fotometro.


Reply : António L
fotomaster


Posts : 647
inserido em: 2008-05-14 09:43 | Editar Msg | Responder |
Hahhhh é um ensaio,vale 3 pontos como no ragb. Pois eu diria amigo Gallacci que o Fotometro é essencial,agora e sempre.Não há prof. ou amador evoluido que não o use. .so os tipos da reportagem social ou do genero é q flasham pras caras das pessoas,no P e no TTL. mas o Salgado e outros não fazem isso usam o tal obj. externo á maq.
É um erro pensar que com o Digital o fotometro,não é necessario.Se for pro album de familia é dispensavel mas pra coisas mais a serio.....Ovbio se eu for fotografar uma jantarada de ministros ou outros carolas,levo o Sb 800 e levam com ele nas fuças.pk aí os gajos querem é aparecer nem q tenham brilhos e cara de queijo e nem vale a pena fazer contas,o que os gajos não querem e ficar escuros,adoram ficar claros(assim dão mais nas vistas)

Reply : antonio matias
2much3time


Posts : 2654
inserido em: 2008-05-14 10:00 | Editar Msg | Responder |
se lhes atirasses com um pano encharcado de limpar o chão às fuças em vez das flashadas da ordem, isso sim, é que seria um grande serviço prestado à nação...


...assim como assim, tb ficavam com o focinhedo lavado

Reply : RGallacci
fotomaster


Posts : 401
inserido em: 2008-05-14 11:56 | Editar Msg | Responder |
António Louro concordo que se use sim fotometros para fotos em estudio,mas nao sao todos tipos de foto.
Veja bem,eu fotografo externas,como paisagens e animais.
Faço trabalhos de pericia ambiental para isso nao preciso sair fotometrando.
Vale mais a experiencia



Reply : António L
fotomaster


Posts : 647
inserido em: 2008-05-14 22:03 | Editar Msg | Responder |
Eu por acaso tb uso fotometro no exterior.Mas vc la sabe e os pros da paisagem tb o usam.Ja pra não falar dos de moda,retrato etc,tds usam fotometro no exterior. mas se vc não precisa,sem stress. ;D

Reply : RGallacci
fotomaster


Posts : 401
inserido em: 2008-05-15 13:57 | Editar Msg | Responder |
Oh Louro ate concordo que se use fotometro em externa de moda,still,produtos pois é preciso dosar a luz em seus detalhes,mas usar fotometro para fotografar animais e paisagens isso acho falta de competencia.
.


Reply : AlbertoRCorreia
fotomaster


Posts : 666
inserido em: 2008-05-14 22:23 | Editar Msg | Responder |
Louro, epá quando fores fotografar politicos nas jantaradas para os deixar bem claros de maneira que se vejam atira-lhe não com flash mas com ácido cloridíco em barda. Ficam branquinhos, transparentes tal com o vidro. )

Reply : bigmac



Posts : 110
inserido em: 2008-05-15 16:55 | Editar Msg | Responder |
Pois eu creio que no exterior em paisagem o fotómetro não é essencial, a própria maquina mede o tom médio, o que é necessário é fazer a medição para a zona onde se deseje definição e compensá-la de forma correcta.

Reply : efe
2much3time


Posts : 2158
inserido em: 2008-05-14 22:30 | Editar Msg | Responder |
Roberto, o fotómetro não faz falta nenhuma no estúdio digital. Eles usam aquilo apenas para fingir que têm que medir a luz em todos os cantinhos do corpo das modelos. Oh... Ooooohhhh... e eu não sei?!

Reply : António L
fotomaster


Posts : 647
inserido em: 2008-05-14 23:42 | Editar Msg | Responder |
Vá la pessoal mantenham a calma, pra combater o stress façam uma visita a www.antoniolouro.com
ou http://olhares.aeiou.pt/utilizadores/detalhes.php?id=2381 d'ont worry be happy

Reply : bigmac



Posts : 110
inserido em: 2008-05-14 03:27 | Editar Msg | Responder |
Sem ter lido ainda as respostas depois de ti, quero agradecer a participação, Mellado é um pioneiro na redução de polémica entre os Analógicos e os Digitais (obviamente reduzido no mundinho que é espanha... mas nem falemos de portugal) Mellado baseia-se na Zona 7 de Ansel (que "inventou" uma escala), o próprio nunca falou disto (portando falo de um cinza abaixo do branco total). Se a escala de um fotómetro é o cinza a 18% (falo por ler mais que por experiencia) aqui fala-se entre a conjugação entre essa escala considerada universal e esse mesmo compensador de exposição de que falas a + 2EV. Obviamente terá de ser aplicado a fotografia estática paisagistica ou outra se existir hipótese para isso. e com medição pontual. Isto que escrevo é de leitura e não de experiência e o objectivo é aplicar correctamente, mas creio que tem obviamente a ver com o tipo de foto apesar de não variar muito se existir um conhecimento de tratamento "lab" de revelação digital por zonas. Muito obrigado pela resposta.

godric nazka
2much3time

Posts : 1756
inserido em: 2008-05-14 22:06 | Editar Msg | Responder |
"Estou na área de fotografia como amador autodidacta à muito pouco tempo..."

oh!! ainda és novo, com o tempo vais ver que chegas lá...

Reply : bigmac



Posts : 110
inserido em: 2008-05-14 22:34 | Editar Msg | Responder |
Mr Godric é capaz de de me dizer como faz a exposição de uma foto ou coloca no automático a maquina e os comentários?

Abraço...

Ahh o amigo Salvação Barreto também lhe envia um.

Reply : godric nazka
2much3time


Posts : 1756
inserido em: 2008-05-14 23:50 | Editar Msg | Responder |
Não se preocupe, ainda está a crescer.... isso passa. Abraço.

Reply : bigmac



Posts : 110
inserido em: 2008-05-15 02:50 | Editar Msg | Responder |
Corte lá isso, olhe que o Salvação não perdoa e apesar de não estar no activo ainda sabe agarrar bem um bom par!

Saudações e sorte!

Reply : - pedro soares -
fotomaster


Posts : 597
inserido em: 2008-05-15 10:26 | Editar Msg | Responder |
Se a referência é a Nuno Salvação Barreto, já não agarra, porque já morreu.

Reply : Raul Alexandre
fotomaster


Posts : 721
inserido em: 2008-05-15 17:14 | Editar Msg | Responder |
pedro, és um desmancha prazeres!.....



Reply : bigmac



Posts : 110
inserido em: 2008-05-15 15:01 | Editar Msg | Responder |
Um grande forcado.

Reply : AlbertoRCorreia
fotomaster


Posts : 666
inserido em: 2008-05-15 23:45 | Editar Msg | Responder |
Esta malta de futebol sabe tudo, desde os nomes ao números que tem na caisola (também é só isso) mas quando toca ao resto mesmo das nossa tradições, aí já a porca torce o rabo.

godric nazka
2much3time

Posts : 1756
inserido em: 2008-05-15 22:45 | Editar Msg | Responder |


Reply : bigmac



Posts : 110
inserido em: 2008-05-16 00:30 | Editar Msg | Responder |
Pseudo hamburger.... Essa é do Pulp Fiction? Olhe bem o meu caro amigo que só lhe bato palmas se pedir SFF! O menino tem de ter um pouco mais de sabedoria e carga psicológica antes de escrever uma linha ou tirar uma foto.... Com o tempo isso adquire-se... Recomendo-lhe um tratamento digital adequado: "Erga o dedo mindinho, coloque na cabecinha e mova-o em pequenos movimentos vibratórios suaves"... estimula esse neurónio. Abraço.

Reply : m i g u e l



Posts : 153
inserido em: 2008-05-16 22:43 | Editar Msg | Responder |
ora bem, sexta feira finalmente!! eheh em casa at last...! antes de mais, aqui somos todos (ou 99%) autodidactas no que toca a fotografar, uns melhores q outros, incontestavelmente. Existem uns q fotografam sem se preocupar com nada, nem c enquadramentos, nem com luzes, nem com nada e outros q procuram algo mais. Esses nunca estão satisfeitos pq acreditam q é sempre possivel fazer mais...e melhor. Pela insistencia, pelo estudo (nao é o meu caso q sou um preguiçoso do caraças) pela experimentação! ora aí, penso eu é q se evolui. Tambem a mim a "exposiçao" é um busilis algo complexo. Primeiro eram os enquadramentos, depois a luz e depois no swntido de aperfeiçoar a luz, as exposiçoes. As fotos q tenho feito (as de paisagens) tenho tentado perceber isso melhor. Estava a faze-lo precisamente ao contrario do que diz esse fotografo espanhol. Ou seja, Em prioridade à abertura faço a mediçao pontual na zona mais escura (sombras) e depois ajustava os EV`s em stops negativo para assim diminuir as altas luzes mantendo detalhe nas sombras. Hoje fiz o contario. Mediçao nas altas luzes com 2stops positivos e posterior reenquadramento. Resultado, ambas as soluçoes resulta. Agora como diz esse senhor (devo ter feito mal) mas ao diminuir os EV`s fazendo a mediçao nas altas luzes nao vou ter uma leitura correcta ficando a imagem sub-exposta. Ou será que algo me escapa como essa zona 7 q nunca tin ha ouvido falar ? Abraço

Reply : bigmac



Posts : 110
inserido em: 2008-05-16 23:09 | Editar Msg | Responder |
A zona 7 pode ver aqui: http://www.fotodicas.com/fotografia/compreenda_sistema_zonas.html em paisagem é o cinza claro das nuvens antes do branco. Eu creio que quando falei consigo disse -2EV mas está incorrecto, medir na zona 7 e aumentar +2EV exactamente como fez (com a excepção que não convém apontar ao branco porque sobrexpõe e ficamos sem informação nas luzes altas. A sua forma de funcionar, medir nas sombras e reduzir 2EV também está correcta. Mas desta forma como faz Mellado encostamos o histograma ao lado direito para tentar reunir o maximo de informação possível que nos permita mais facilmente fazer a edição digital. Se medirmos aos médios como fazem as camaras normalmente ao editar cria algum ruído. Portanto creio que este método é para quem quer editar as fotos. O ideal é tirar uma foto e olhar o histograma da maquina daí ajustar a exposição e o ponto de medição. No meu caso meço com Medição Pontual (o mais aproximado na canon 400D é o "partial metering", premir no botão para reter os valores de exposição medidos e enquadrar. Abraço.

Reply : m i g u e l



Posts : 153
inserido em: 2008-05-17 00:06 | Editar Msg | Responder |
ah ok...estou a perceber...pois eu tento editar o menos possivel em algumas fotos. Resulta bem em paisagens mas em determinados abstratos não tanto. Amanha irei experimentar entao fazer a mediçao nas medias luzes...vou ler o link q envia. Abraço.

semanuelp


Posts : 17
inserido em: 2010-06-24 10:33 | Editar Msg | Responder |
Viva bigmac, como reparei que os comentários já são para tudo menos para o que questionas, cá vai o meu:

Sou admirador de Ansel Adams há muitos anos e conheço bem as suas obras assim com técnicas aplicadas.
Em primeiro lugar: o Sistema de Zona é apenas um sistema pessoal que Adams e Archer encontraram para lhes facilitar a decisão em termos de exposição. Este sistema não é milagroso nem garante boa exposição nas várias tonalidades de uma imagem. Eles criaram este sistema apenas como "mapa" de monocromia. Não existe tal coisa como EXPOSIÇÃO CORRECTA EM TERMOS GERAIS numa foto. A exposiçao correcta é aquela que o fotógrafo decide fazer quando na presença de determinado assunto a fotografar e depende, PRINCIPALMENTE, do efeito que ele pretende dar. É aí que entra o Sistema de Zonas. É precisamente no "EFEITO QUE O FOTÓGRAFO PRETENDE DAR" que reside a necessidade de se arranjar um sistema QUALQUER que nos ajude a mapear a luz que é reflectida sob diferentes intensidades numa só imagem. Muita gente fala no Sistema de Zonas como se tratasse de uma ESCALA, quando na realidade não é um sistema normalizado e portanto não pode ser ESCALA. Qualquer um de nós, por mais ou menos experiencia que tenhamos de fotografia aplica o Sistema de Zonas, se bem que a maioria nem sequer o associa a ele e outros nem sequer conhecem este sistema.

O Sistema de Zonas foi concebido tendo em conta a latitude tonal que consegue captada pela emulsão (preto & branco). Apesar de poder ser usada como mapa para todos os tipos de fotografia há que a reajustar ao tipo de sistema que estamos a usar.
No sistema analógico existem vários tipos de emulsão (negativo, diapositivo, infra-vermelhos ....) e para cada um deles essa escala terá que ser ajustada em conformidade. No caso do NEGATIVO ( a P&B) podemos orientar-mo-nos pelo sistema dado que ele foi feito tendo em conta a latitude monocromática do negativo.
MAS .. se estivermos a usar diapositivos o Sistema de Zona terá que ser reajustado tendo em conta a latitude deste filme. Quem trabalhou com DIAPOSITIVO sabe que, relativamente à, chamada, EXPOSIÇÃO CORRECTA indicada pelo sistema de fotometria que estejamos a usar (seja ele qual for), bastam "+2" ou "-2" EV para colocar os valores mais altos no COMPLETAMENTE BRANCO e os mais baixos no COMPLETAMENTE NEGRO. Portanto, o Sistema de Zonas de Adams e Archer tem uma escala desajustada, mas, claro, ainda utilizável.

O Sistema Digital é muito parecido com o Diapositivo, devido ao grande contraste existente. POrtanto, podemos igualmente orientarmo-nos pelo sistema de zonas, mas sinceramente não vejo para quê. Muitas pessoas tendem a dar dicas completamente ridículas e desajustadas da nossa realidade. Lêem documentos fotográficos com técnicas analógicas e tentam impingir às outras pessoas essas mesmas técnicas, mas apenas porque as leram em algum sítio. Quem percebe de fotografia sabe perfeitamente que é "bull Shit" pois a reaidade Anlógica é diferente da realidade Digital, s bem que ambas partilhem montanhas de coisas. Para aqueles que usam o sistema digital: NÃO COMPLIQUEM .. agora têm a vida tão simplificada, então porquê complicarem?! Tiram um foto e olham para aquela coisa rectangular pequenina e brilhante. Se acharem que ficou escura, então tirem uma com mais exposição. Para o contrário, proceder da forma igualmente inversa. DAAHHH


Para terminar e para os verdadeiramente interessados, finalizo com a forma como costumo fazer a fotometria da maioria das fotos que tiro (as mais precisas). Hoje em dia ainda fotografo maioritariamente em analógico. Não entro em guerras sob qual sistema é melhor.. todos são bons para os diversos fins que pretendemos obter.
Então, como dizia, costumo fazer o seguinte:

1º Modo a usar. MODO MANUAL.
Visualizo o efeito que lhe quero dar. Posso querer INTENCIONALMENTE que determinada parte fique completamente negra ou branca.

2º Faço a leitura de luz para a zona mais escura mas onde pretendo captar algum detalhe. Notem que a "zona mais escura" na realidade ainda não está visível.. Só está na minha cabeça e imaginação, ou seja, na minha VISUALIZAÇÃO daquilo que penso que ficará bem e ao MEU GOSTO.

3º Após a leitura feita à PROVÁVEL zona mais escura, sei que o fotómetro me vai colocar o valor indicativo da exposição correcta para os 18% de cinza, o que, se estivesse no modo automático, faria com que a máquina me "enganasse". Como estou em MODO MANUAL uso esse valor como Mapa Tonal e, como vêm estou SEM QUERER a usar o Sistema de Zonas.

Então, continuando, coloco a exposição a ZERO nesse ponto e retiro "-2EV" (atenção que me refiro a NEGATIVO P&B). Faço ainda mais duas fotos com redução de "0,5EV" em cada uma das seguintes, de forma a escurecer ainda mais e depois de reveladas escolho o negativo que melhor se adequa ao que pretendo da foto.

Agora perguntam, mas E AS RESTANTES ZONAS?!?! como é que validaste as restantes zonas do Sistema? Resposta: NÃO VALIDEI... as restantes zonas da imagem vão ficar expostas naturalmente nas zonas onde tiverem que cair, fiquem elas no extremo branco ou no extremo negro. O importante é que na zona que escolhemos para expor "correctamente" fique a informação que pretendemos para posteriormente terminarmos o trabalho no processo de impressão ou Cãmara-escura.Nessa fase podemos controlar (agora digitalmente) de forma a iluminar ou escurecer POR ZONAS de forma a que a foto fique no ponto desejado.

Desculpem o testamento ... isto dava panos para manga. Abraço a todos e UMA VEZ MAIS ao pessoal das novas tecnologias... NÃO COMPLIQUEM aquilo que está, à partida, simplificado.

Só uma nota final: As fotos de Ansel Adams eram um produto daquilo que ele visualizava. O produto final é completamente diferente daquilo que ele captava em filme.Ele usava o Sistema de Zonas para o servir de guia na escolha de determinada decisão em termos de exposição a escolher. Depois, na câmara-escura, procedia às alterações tonais que posso-vos dizer RADICAIS mesmo. Ele não fazia mais do que eu faço e todos nós fazemos. Era um sistema que ele tinha como todos nós temos o nosso. A verdade é que é um sistema que faz tanto sentido que ficou e ficará eternamente na história e na utilização de todos nós. Abraço a todos

Reply : semanuelp



Posts : 17
inserido em: 2010-06-24 11:10 | Editar Msg | Responder |
Após reler este testamento acho que devo "afinar" um ponto:

no 3º ponto a "provável zona mais escura" poderá colocar algumas cabecinhas cheias de "????".
Portanto vou tentar explicar melhor o que é "medir o que na realidade não existe".
Para fazer essa medição é preciso, obviamente, saber como estão os valores da imagem que estamos a enquadrar. Portanto falta esse ponto no procedimento. Quando já tiver o enquadramento feito, tenho obviamente fazer uma leitura às zonas que pretendo alterar. Tendo essas medições como base é que poderei decidir que quero colocar determinada zona no mais escuro possivel (mas com algum detalhe) e ao valor que anotei (na cabeça) antes, retiro os EV que ACHO que irão colocar essa zona nas condições que pretendo. PEssoalmente tenho por Sistema usar os valores de tonalidade médios para definir o "zero" da exposição. No Sistema de Zona.. esse meu "zero" é descrito como Zona V. Mas eu prefiro chamar-lhe "ZERO" no Sistema SEMANUELPIANO.

Acho que assim fica melhor explicado.. mas também, isto e exposição é tão "interpretativo" que só posso dizer o que sempre digo: Exposição correcta é aquela que queremos dar, dependendo do produto final que estiver na nossa cabecinha.


Forum
Registar!
Esqueci-me da password
user:
pass:
Auto

Login with Facebook


Novidades

Concurso
Tema:Chuva

Galeria

Membros
  • rfceatslix
  • hahatfjr
  • danikarhimi
  • Artigos
  • Fotografando com FILTROS: Quando usar os filtros mais popula...
  • Livros de Fotografia - Autores portugueses
  • Sugestões básicas - Linguagem Fotográfica - parte l
  • Links
  • Fotos e palavras para sentir...
  • Primeiros passos
  • Eventos
  • Curso de técnicas de fotografia
  • Workshop de Flash Portàtil
  • Curso básico de Fotografia
  • Anúncios
  • Canon 700D
  • Canon EF 100-400mm f/4.5-5.6L IS USM
  • Material de Estúdio diverso


  • Regras/Regulamento do Site | Disclaimer | Qualquer problema, dúvida ou questão... | Coloque um Link para o Canalfoto.org no seu site

    Todas as informações e fotografias são da única e exclusiva responsabilidade de quem as insere
    © 2003-2019 Rui Santos. Todos os Direitos Reservados.